Concurso Professor SEE/SP 2019: Secretaria quer 23 mil vagas para professores.



O Governo de São Paulo, através da Secretaria Estadual de Educação de São Paulo (SEE/SP) pretende realizar um grande concurso ainda em 2019. De acordo com novas informações a Secretaria busca a aprovação de 23 mil vagas para professores temporários. 

Serão 16 mil vagas para o cargo de professor PEB II, com regime de trabalho de 40 horas semanais; e mais 7 mil para professor PEB I, com jornada de 30 horas. 

Lembrando que o último concurso para professor PEB I teve a sua validade encerrada em 20 de março de 2019. Enquanto que a validade do concurso para professor PEB II foi encerrada em 31 de janeiro de 2018. Isso significa que o Estado já não conta mais com a possibilidade de reposição do quadro de pessoal através de concursos anteriores.


É importante deixar claro que para esse concurso ser aprovado depende de tramitação interna, bem como de avaliação das condições financeiras, dentro do orçamento estadual, além de posterior autorização por parte do governador.  

Entenda a diferença entre PEB I e PEB II para SEE:
☑️PEB I: São profissionais com Normal superior com habilitação em Magistério das séries iniciais do ensino fundamental; licenciatura em Pedagogia com habilitação em Magistério das séries iniciais do ensino fundamental; ou Programa Especial de Formação Pedagógica Superior, qualquer que seja a nomenclatura do curso, com habilitação em Magistério das séries iniciais do ensino fundamental.

PEB II: São Profissionais com formação superior em licenciatura específica na área de atuação/disciplina, voltados à área educacional: Física, Química, Biologia, Matemática, História, Geografia, Filosofia, Sociologia, Letras (Inglês ou Espanhol), Ciências Físicas e Biológicas, Artes, Educação Física e Pedagogia (Educação Especial). 

APOSTILAS PREPARATÓRIAS

Muitos esperam a publicação do edital para começar os estudos, mas especialistas em concursos concorridos sempre deixam claro que isso é um grande erro, pois o tempo entre a publicação do edital e a Prova é de pouco menos de 2 meses. Uma boa preparação exige tempo e dedicação aos estudos, por isso muitos concorrentes já estão estudando. Segue as únicas apostilas  disponíveis com o conteúdo para começar os estudos AQUI

Postar um comentário

13 Comentários

  1. Serão 23 mil vagas para temporários? Não entendi isso no texto.

    ResponderExcluir
  2. Quando abrem as inscrições? É temporário?

    ResponderExcluir
  3. Pelo jeito, será processo seletivo, temporário ao invés de ser efetivo. O governo Só quer cobrir as vagas por um tempo. Que triste isso.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Concurso é para efetivos, processo seletivo é para temporários.

      Excluir
    2. Qual a diferença? Explique, por favor?
      Obrigada.

      Excluir
    3. Atualmente é o que mais existe nos municípios, fazem apenas processo seletivo para tapar buracos.

      Excluir
  4. Concurso para temporários?
    Absurdo isso

    ResponderExcluir
  5. antes era assim, a gente fazia as provas para classificação.

    ResponderExcluir
  6. Duvida, tem uma parte que diz que para participar, os candidatos devem possuir nível superior, com licenciatura na respectiva área de atuação. Eu só vou pegar o meu diploma depois de Novembro, no meu caso eu posso participar? Se apresenta o diploma na posso do cargo ou na inscrição .

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pode, mas no momento de apresentação de tútulos você precisa ter eles em mãos ou poderá perder a vaga.

      Excluir
  7. Boa Tarde alguém sabe o salário que será oferecido neste processo seletivo para professor PEB I?

    ResponderExcluir